Crime > Suspeito de matar jogador do Corinthians futsal se entrega à polícia

O homem apontado como autor da morte do jogador de futsal Douglas Nunes da Silva, 27 anos, entregou-se à polícia e confessou o crime.

A morte aconteceu na madrugada deste domingo (11) em Erechim, no norte do Rio Grande do Sul.

Conforme o delegado José Roberto Lukaszewigz, ele disse em depoimento que a briga foi motivada por desacerto na hora de pagar a conta da casa noturna onde os dois estavam.

O homem e jogadores do Corinthians passaram a noite na festa e chegaram a dividir o mesmo camarote, bebendo espumante com outras pessoas que estavam no espaço.

Em depoimento à polícia, Ricardo Jean Rodrigues, 25 anos, relatou que discordou do valor, motivando a primeira discussão, na bilheteria da casa noturna, onde entraram em luta corporal.

Ele confessou crime, mas não quer falar da arma de fogo — detalhou o delegado.

O homem se apresentou à 2ª Delegacia de Polícia de Erechim e estava acompanhado de uma advogada.

A intenção agora dos investigadores é fazer uma perícia no carro utilizado pelo homem para encontrar vestígios de sangue.

Informações: Dne Online

WhatsApp – Portal Voxnet – (44) 9 9806 90 99 – Envie sua matéria, foto ou vídeo – Seja nosso Repórter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *