Execução > Comerciante é executado com mais de 30 tiros de pistola

O comerciante Gustavo Alvarenga Pedroso, de 46 anos, foi executado com vários tiros de uma pistola calibre 9 milímetros na tarde desta quarta-feira (9) em Pedro Juan Caballero, Paraguai, cidade vizinha a Ponta Porã, MS.

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que um homem, sozinho, de motocicleta, aproxima-se do veículo em que empresário paraguaio estava, e dispara várias vezes contra a janela do motorista

O comissário-chefe de investigações de Pedro Juan Caballero, Rafael Gonzalez, afirmou ao G1 que a polícia paraguaia está investigando uma possível ligação entre o empresário assassinado e o narcotraficante Jarvis Pavão:

“A polícia não tem elementos para dar certeza sobre isso, mas será investigada a conexão entre eles”.

O empresário foi levado para o hospital Vida Vida de Pedro Juan.

O comissário afirmou que após o crime, 3 homens foram vistos em um carro, armados com 2 pistolas de calibre 9 milímetros e uma de calibre 40 milímetros, em frente ao hospital.

Eles foram presos, e são considerados suspeitos do crime.

Segundo a polícia paraguaia, este é o 6° caso de homicídio relacionado ao tráfico de drogas em 2019 na região.

Em 2018, a guerra pelo controle do tráfico na fronteira registrou pelo menos 30 execuções.

G1 MS

WhatsApp – Portal Voxnet – (44) 9 9756-9107 – Envie sua matéria, foto ou vídeo – Seja nosso Repórter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *