INSS – Aposentados e pensionistas terão primeira parcela do 13 º antecipada

Confira a data de recebimento:

O Instituto da Seguridade Social anunciou a data e o valor dos (13.º) aposentados e o primeiro período dos pagamentos da INSS.

Segundo a agência, o pagamento começará nesta sexta-feira (24) e será pago inicialmente às pessoas que recebem até um salário mínimo.

O valor a ser pago será a metade do benefício livre de cortes ou ajustes federais.

Inicialmente, o pagamento do décimo terceiro estava previsto para o segundo semestre deste ano.

O governo federal decidiu executar uma antecipação no calendário de pagamento do décimo terceiro para minimizar os efeitos da crise causada pela pandemia do coronavírus.

Dessa forma, todos os segurados receberão a primeira parcela em abril com o pagamento do benefício na data correspondente.

A parcela restante será paga em maio.

Todos os aposentados e pensionistas registrados no INSS têm direito ao pagamento e recebem benefícios como pensões, aposentadoria, auxílio-doença, auxílio-acidente ou auxílio-prisão.

Como será paga a primeira parte do décimo terceiro
Será a metade do que é pago nas pensões e aposentadorias.

Exemplo: um beneficiário que recebe R$ 1.045 terá uma parcela de R$ 522 mais o valor tradicional do seu salário.

Os beneficiários que recebem R $3.000,00, receberá o valor de R $1.500,00.

É só dividir o valor do benefício em duas partes iguais. O segurado receberá a parcela no dia do pagamento do mês de abril.

Para quem ganha até um salário mínimo (R$ 1.045 em 2020)

Final 1: 24 de abril

Final 2: 27 de abril

Final 3: 28 de abril

Final 4: 29 de abril

Final 5: 30 de abril

Final 6: 4 de maio

Final 7: 5 de maio

Final 8: 6 de maio

Final 9: 7 de maio

Final 0: 8 de maio

Para quem ganha acima de um salário mínimo (mais de R$ 1.045)

Finais 1 e 6: 4 de maio

Finais 2 e 7: 5 de maio

Finais 3 e 8: 6 de maio

Finais 4 e 9: 7 de maio

Finais 5 e 0: 8 de maio

Como será paga a segunda parcela do décimo terceiro para quem ganha acima de um salário mínimo
Nesse caso, o cálculo será feito de forma diferente.

Na segunda parcela o governo fará os descontos das taxas do imposto de renda para quem tiver tarifas federais.

Porém quem não tiver, a segunda parte a receber será igual a recebida inicialmente.

Já para aqueles que devem tributos, haverá reajustes a depender da situação de cada beneficiário.

Para esse grupo, o pagamento acontecerá em maio.

Para quem ganha até um salário mínimo (R$ 1.045 em 2020)

Final 1: 25 de maio

Final 2: 26 de maio

Final 3: 27 de maio

Final 4: 28 de maio

Final 5: 29 de maio

Final 6: 1 de junho

Final 7: 2 de junho

Final 8: 3 de junho

Final 9: 4 de junho

Final 0: 5 de junho

Para quem ganha acima de um salário mínimo (mais de R$ 1.045)

Finais 1 e 6: 1 de junho

Finais 2 e 7: 2 de junho

Finais 3 e 8: 3 de junho

Finais 4 e 9: 4 de junho

Finais 5 e 0: 5 de junho

Fonte Agencia Estado

WhatsApp – Portal Voxnet – (44) 9 9756 91 07 – Envie sua matéria, foto ou vídeo – Seja nosso Repórter

Comente – Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *