Protesto – Manifestantes tomam as ruas e provocam quebradeira no Paraguai contra nova quarentena

Manifestantes tomaram as ruas em Cidade do Leste na noite desta quarta-feira (29) e o protesto não terminou de forma pacífica.

A manifestação foi contra a “quarentena restritiva” anunciada pelo Governo Paraguaio nesta quarta.

A medida retrocedeu à fase zero a flexibilização das atividades econômicas, determinando o fechamento total do comércio.

O retrocesso é em decorrência do aumento de casos de Covid-19 no Departamento de Alto Paraná, que atualmente corresponde a 40% de todos os casos do país.

Durante o protesto, manifestantes promoveram vandalismo em veículos e prédios e foi necessário o uso da força para contê-los.

“Nós só queremos trabalhar” afirmaram os manifestantes.

“Não estamos pedindo nada ao governo, só pedimos que nos deixem trabalhar, Cidade do Leste precisa ser livre” disseram em entrevista à Rádio Concierto FM.

“Cidade do Leste é a cidade mais importante do Paraguai e o governo nos trata com descaso” protestou.

A manifestação ocorreu na zona primária do município, próximo a Aduana paraguaia, na cabeceira da Ponte Internacional da Amizade.

Para conter o protesto, a Polícia Nacional, com apoio da Polícia Caminera, utilizaram bombas de efeito moral, além de tiros com bala de borracha.

Vídeos que circulam na internet, mostram veículos e prédios sendo incendiados.

A manifestação só foi contida cerca de duas horas após o início.

As imagens mostram um verdadeiro cenário de guerra na zona primária.

Rádio Cultura de Foz

WhatsApp – Portal Voxnet – (44) 9 9756 9107 – Envie sua matéria, foto ou vídeo – Seja nosso Repórter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *