Tragédia > Policial aposentado executou esposa com oito tiros de pistola calibre 380

A Polícia Civil começou a ouvir testemunhas para apurar o que motivou a execução de Débora Carin de Jesus de 30 anos praticada por Jean Carlos Ferreira da Costa de 48 anos que cometeu suicídio logo após.

O crime foi praticado por volta das 3h30 da madrugada de terça-feira (5), no Jardim Concórdia, em Toledo – região Oeste do Paraná.

O que se sabe até o momento é que o casal, acompanhado da filha de Jean de sete anos, estava em uma confraternização familiar até às 1h20 quando retornaram para casa.

No imóvel, duas horas após chegaram da festa, houve uma discussão e então os vizinhos ouviram inúmeros tiros.

Quando a Polícia chegou ao sobrado em que o casal morava encontrou ambos caídos no chão. Débora foi morta com oito tiros de pistola calibre 380 e Jean estava com uma perfuração na cabeça.

A Delegacia de Homicídios colhe depoimentos de testemunhas para entender o caso.

Os corpos foram levados ao IML (Instituto Médico-Legal) e serão velados em Toledo.

Jean era aposentado da PRE (Polícia Rodoviária Estadual) há pouco mais de um ano e desempenhou atividades em Assis Chateaubriand.

Redação Catve.com

WhatsApp – Portal Voxnet – (44) 9 9756-9107 – Envie sua matéria, foto ou vídeo – Seja nosso Repórter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *